Mão na Massa: Tinta Epóxi como aplicar

31 de dezembro de 2016 blog, mão na massa

Como pintar parede com tinta epóxi a base água em parede antiga de epóxi à base solvente

Antes de pintar, temos que preparar a superfície sempre verificando qual tipo de material foi aplicado anteriormente: azulejo, pastilhas, alvenaria, concreto, tijolo e etc ….

No nosso caso, paredes e teto tinham recebido tinta epóxi a base de solvente aplicados direto no concreto. O banheiro tinha algumas trintas e rachaduras que precisavam ser sanadas. Agora era necessário lixar tudo, e eliminar as trincas. Proteja metais e louças.

O que você vai precisar:

Acessórios de proteção: luvas, máscara com respirador e óculos transparente;

Equipamentos: Lixadeira Dewalt ou lixa de massa;

Acessórios:  Abre Trinca, espátula de plástico, desempenadeira, Lixa para massa, Pincel de recorte, Rolo de lã de carneiro e lã média, bandeja, porta trincha/pincel para prolongador, prolongador, vassoura, lona;

Materiais: Elimina trinca da Selamix – 500 gramas, MultiMassa Tapa Tudo Renner 90g, 02 galões de 3,6L de Massa Corrida Coral,  02 galões de 3,6L Tinta Wandepoxy Base Água Coral e fita crepe.

Primeira etapa:  Lixar as superfícies levemente

Lixar com lixadeira as paredes, para dar uma leve ranhura. No teto colamos com fita a lixa na vassoura e limpamos o teto também.

Segunda etapa: Abrindo as Trincas

Use o abre trinca e depois passe com uma espátula o produto Elimina Trinca. Deixe o tempo de cura do produto. E depois passe massa corrida em pontos que precisem. Lixe sempre.

Terceira etapa: Eliminar os furos

Após passar o Elimine Trinca da Selamix, passamos também massa corrida com uma desempenadeira. Para tapar furos menores usamos MultiMassa Tapa Tudo Renner e lixamos após com a lixadeira.

Quarta etapa:  Limpeza do Local

Após fazer toda a poeira e deixar a casa toda branca de pó, molhamos o piso para baixar a poeira. Limpamos com um pano seco para tirar o excesso de pó e preparar para receber a tinta.

Quinta etapa:  Recortes

Antes de começar a pintar com rolo temos que fazer os recortes com pincel em todos os cantos. Para economizar tempo, esforço físico (as costas agradecem) e trabalho utilizamos um porta pincel acoplado ao prolongador com tinta pura que evita subir e descer da escada toda hora.

Sexta etapa:  Pintura

Para receber a primeira demão de tinta a base de água tivemos que diluir com água limpa seguindo as orientações do fabricante. Com um rolo de lã média passamos a primeira demão. Esperamos o tempo de secagem de 4 horas para passar a segunda demão, que também teve que ser diluída em água. Na terceira demão trocamos o rolo por um de espuma de lã de carneiro especial importado, pois precisávamos de mais textura para se igualar a superfície antiga.

No nosso caso específico, como as paredes estão diretamente sobre concreto para a cobertura total foi necessário 3 (três) demãos. Acreditamos que se a parede tivesse um preparo com massa corrida em toda a superfície, duas demãos seriam suficientes. Para um banheiro de 11 m2 gastamos 2 galões de 3,6L.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *